Não está em alta, mas é bom!

Não está em alta, mas é bom!

 

  Bento é uma trilogia escrita por André Vianco....

  Pra começar me deixa explicar uma coisa. Quando fui à livraria e comprei O Vampiro Rei vol. 1, não tinha ido lá para comprá-lo e sim para adquirir Crepúsculo, mas este ainda não tinha chegado (ainda não era febre mundial). Bem...acabei comprando O Vampiro Rei Vol.1 pela capa e sinopse e não me arrependi.

  Voltando...eu não li Bento (ainda) por conta do “contratempo” acima e porque entendi a historia lendo somente o Vampiro Reil vol. 1 e 2. Não estou dizendo que não preciso ler Bento, não, não é isto, só estou falando que sem ele eu consegui entender, mas claro que quando lê-lo vou compreender bem melhor a história, com bem mais detalhes etc.

  Como muitos sabem, Vianco é um ótimo escritor e com esta trilogia sua fama não se alterou.

  Em vampiro rei o autor cria um mundo diferente, em que humanos sabem da existência dos vampiros, mas não concordam com isto, porque estes seres anormais são do tipo malvados que matam para obter o sangue do ser humano(os vampiros tradicionais...).

  Claro que tem os “heróis”, mas eles são chamados de Bento. Todo Bento é um guerreiro formidável, que tem o objetivo principal de acabar com todos os vampiros.

  É cheio de suspense, lutas, ação, é uma trama muito envolvente, você vai querer entrar nos livros, rs.

  Não é um livro infantil, mas também não é muito adulto.

  Bem...eu adoro o Vol. 2, pra mim é melhor que o 1, porque tem mais ação e também tem um casal que eu AMO (mas não vou dizer qual é >< por conta dos spoilers) e que deveria ter spin off.

 

A sinopse de Bento:

  Em uma noite infestada de magia, metade do mundo adormece e a população que ainda está desperta se vê mergulhada em acontecimentos inexplicáveis, como o surgimento de vampiros, o desaparecimento das doenças e grandes acontecimentos que acabam fazendo com que as pessoas fujam das grandes cidades e passem a formar fortificações afastadas dos centros abandonados. Durante o dia trabalham para refazer o mundo e entender o que os rodeia, durante a noite lutam para continuarem vivos e manter os vampiros afastados dos novos centros. Quando tudo parece perdido surge a profecia dos 30 guerreiros bentos. Quando eles se unirem, quatro milagres se desencadearão para salvar a humanidade. O livro demonstra também que com essa volta do mundo para os campos, longe da urbanização, o mundo começa a melhorar, acabando com os efeitos do aquecimento global dentre outros problemas ambientais e sociais.

 

Livros da Trilogia:

Bento

O Vampiro Rei vol. 1

O Vampiro Rei vol. 2

 

Capa de todos os livros da trilogia:

                                       

Não tenho certeza, mas parece que a trilogia vai mudar de nome e também haverá novas capas, se for verdade vai se chamar Saga O Vampiro-Rei”.

Enfim, leiam os livros desta trilogia. Quem ja leu algum do Vianco não vai se arrepender destes e que não leu vai adorar ler.

 

Um pouco sobre André Vianco:

  André Vianco é um escritor brasileiro, nascido em São Paulo, estado de São Paulo, e criado em Osasco. Suas obras sobrenaturais misturam terror, suspense, fantasia e romance em histórias que geralmente envolvem o tema Vampiros.
  Em 1999 após ser despedido de seu emprego em uma empresa de cartões de crédito, André utilizou o seu FGTS para produzir 1000 cópias de seu primeiro best-seller, Os Sete. Em 2000 ele foi pessoalmente promover seu livro em livrarias e editoras. Em 2001 a editora Novo Século se interessou por seu trabalho e re-publicou o livro. Desde então a parceria entre autor e editora proporcionou mais livros e uma obra que está sendo gradualmente ampliada.
Os Sete deriva diretamente do primeiro romance de André Vianco, O Senhor Da Chuva (1998). Em O Senhor da Chuva, apesar da história estar relacionada diretamente a anjos e demônios, o autor criou uma personagem vampiro que, segundo o autor, teria sido pobremente explorado. A partir de então, André ficou com a ideia de escrever um romance em que vampiros seriam os protagonistas. Em seu primeiro roteiro, pré-escrita, os vampiros eram apenas dois e o título do livro seria "Os Dois". Porém André não se sentiu satisfeito e sua trama virou "Os Sete" (1999).

 

Não foram encontrados comentários.

Novo comentário